Skip to main content

Apesar de o seu recém-nascido parecer muito frágil, não tenha medo de começar uma rotina de massagem pouco tempo depois do parto. A rotina de massagem ajuda a construir laços afetivos entre vocês e leva a um desenvolvimento feliz e saudável.

Massaging Your Newborn

O toque é uma poderosa forma de comunicar seu amor ao seu bebê. Na verdade, de 25 a 120 minutos de contato pele a pele imediatamente após o nascimento pode afetar de maneira positiva as interações entre você e seu bebezinho, até 1 ano depois!

O toque é uma poderosa forma de comunicar seu amor ao seu bebê. Na verdade, de 25 a 120 minutos de contato pele a pele imediatamente após o nascimento pode afetar de maneira positiva as interações entre você e seu bebezinho, até 1 ano depois!

Nas primeiras semanas, use movimentos lentos e positivos, não dedicando muito tempo em uma área específica. Os recém-nascidos podem ter seus sentidos excessivamente estimulados e a maioria vai querer a segurança dos braços dos pais nas primeiras semanas. Já alguns vão querer apenas de uma massagem delicada nas costas, sobre a roupa.

Mãos em repouso

Se o seu bebê responder afirmativamente à massagem, comece com a mão em repouso. Essa técnica é usada antes de massagear qualquer área do corpo. Também pode ser utilizada quando seu bebê precisa de uma pausa durante a prática. Essa é uma ótima forma de o bebê se sentir seguro e aproveitar bem o toque.


Pernas

Confira se tem óleo suficiente nas mãos antes de começar. Nos recém-nascidos, comece com as pernas, pois essa é a área normalmente mais aceita por eles. Movimentos para baixo são mais relaxantes.

Pernas – ordenha

Com uma mão, delicadamente segure o tornozelo do bebê. Coloque a outra mão na parte de cima da coxa, moldando-a em torno da perna; depois, deslize para o tornozelo. Repita com movimentos firmes, mas delicados, uma mão após a outra.


Pés

Bebês normalmente adoram receber massagem nos pés. Veja as reações de seu bebê no caso de sensibilidade. Um pouco de massagem nos pés pode causar um efeito positivo em todo o corpo.

Aperte suavemente e gire cada dedo entre o polegar e o indicador. Usando polegares alternados, massageie a parte de cima dos pés, dos dedos para o tornozelo. Repita várias vezes.


Barriga

Quando o umbigo cicatrizar, uma massagem suave na barriga pode ajudar na digestão e problemas na região.

Comece fazendo contato com a barriga do seu filho, com a mão relaxada e tranquilizadora. Se o bebê for receptivo, faça movimentos suaves de remada, alternando as mãos.


Costas

O contato pele a pele pode ampliar a experiência de criação de laços afetivos entre o bebê, a mãe e o pai.

Segurando o bebê perto do seu tórax, massageie as costas dele, começando no pescoço e descendo até o bumbum.

Pela massagem, você pode perceber mais como o bebê se comunica e de que forma pode dar apoio a ele nos primeiros meses. Você e seu filho descobrirão o que é melhor para os dois. É importante estar ciente de que a massagem é algo que você faz com o bebê e não, no bebê.

Estes movimentos de massagem são baseados no material INFANT MASSAGE: A Handbook for Loving Parents, de Vimala McClure, fundadora da International Association of Infant Massage (IAIM).

A IAIM é uma organização sem fins lucrativos e não endossa nenhum dos produtos.

Depressão pós-parto e o uso do toque para se comunicar e criar laços

Depois do parto, muitas mães e alguns pais podem sofrer de alguma forma de depressão. A depressão pós-parto (baby blues), como é conhecida, é comum e pode fazer com que a mãe se sinta eufórica em um momento e muito emotiva no outro. Isso normalmente desaparece depois de alguns dias. A depressão é uma condição mais séria e duradoura e pode mostrar sinais a qualquer momento após o nascimento do bebê ou mais adiante.

Pesquisas sobre depressão pós-parto mostram que a massagem pode melhorar a ligação entre pais e filhos, por meio do incentivo ao contato visual, contato de pele, voz e interação sensitiva.

Laços por meio da massagem

Mostre para ele quanto se importa, usando a primeira linguagem do bebê: o toque.

Logo Baby Center

Talvez você esteja conectado com seu bebê. Talvez você esteja esperando a mágica acontecer. De qualquer forma, fique tranquila e confira o resumo sobre a criação de vínculos com o recém-nascido, de BabyCenter®.

Voltar ao topo